Se for mal-educado, por favor, não faça filhos!

Incontestavelmente, o exemplo é a melhor forma de educar uma criança. Acredito que todos os pais se empenham em ensinar o melhor que podem à seus filhos. E aí pode estar um grande problema. Se você é mal-educado, como vai educar seu filho? Certamente, irá repassar sua má educação que passará a ser a educação de sua família.

“Você não deu “boa tarde”?! Por que está indo pra escola?”

Bem, isso foi o que me fez parar de ver um vídeo no celular, enquanto estava em uma instituição de ensino, aguardando uma amiga professora, para olhar uma senhora, que estava dando uma bronca em seu filho. Fiquei confuso com a informação e conversei com algumas pessoas sobre: de quem era a responsabilidade de ensinar as saudações principais à uma criança, os bons modos, dos pais ou da escola, qual o papel dos dois?

Obviamente a mãe não se sentia responsável. Uma vez que transferiu para escola, a culpa da criança não ter dado “boa tarde” a recepcionista da instituição. A criança poderia ter esquecido também ou se distraído, não sei bem. Enfim, meses depois, aconteceu algo que achei bem pior, estava em um ônibus, distraído com fones nos ouvidos, quando vi um bracinho se esticando em minha frente e jogando uma embalagem plástica, parecia ser embalagem de um biscoito, pela janela… Enquanto estava em estado de choque, meu subconsciente pensou que a mãe iria chamar a atenção da criança. Uma vez que, além de ter usado o lugar errado para jogar lixo, isso poderia ter causado um acidente e uma serie de outras coisas, que dariam em um outro texto… Entretanto, não foi o que aconteceu. A mesma se levantou naturalmente, pois já tinha chegado ao seu ponto, puxou a criança pelo braço, desceu do ônibus e se foi caminhando  tranquilamente… Entendi que para aquela família esse comportamento é normal. Faz parte do cotidiano. Juro que me deu um certo medo do futuro do país. Acredito que antes de gerar um ser humano, na verdade antes de qualquer coisa, precisamos ser um bom ser humano. Ou pelo menos, um ser humano mais humano e aprendermos a conviver com os outros, visando sempre ajudar ou não prejudicar a vida de ninguém.

Trouxe aqui dois exemplos, claro que existem vários, mais claro ainda que embora tenha citado duas mães, há pais também, que as vezes são tão irresponsáveis que transferem para as mães toda a responsabilidade de educar uma criança, se ausentando da convivência com os filhos, mesmo sem ter um divórcio. Foram apenas exemplos reais que escolhi expor. Sei que não posso mudar o mundo, não posso mudar o comportamento das pessoas. Então, faço a minha parte, deixo aqui um apelo: Se não tiver educação para dar, por favor, pelo bem da humanidade, não faça filhos. Vou mais além, não falo apenas filhos biológicos. Mas de criaturas crescidas, adultas que podem se identificar com seu mau exemplo e se tornar seus filhos, criaturinhas de você. Guarda sua má educação, para você mesmo, talvez assim ela não faça mal a mais ninguém. Isso é apenas um pedido, não precisa brigar comigo! Eu nunca te pedi nada… Por favor! Se for mal-educado, evite até sair de casa, não precisa ir brigar com as pessoas na fila do banco, no trânsito, ocupar o acento dos idosos, fazer comentários infelizes das postagens dos outros… Se tranca no quarto e só sai quando tiver um pouquinho de educação e assim, “viveremos felizes para sempre”.

Que possamos todos os dias nos avaliar e escolher boas atitudes, boas palavras e gestos, para doar para as pessoas. Apenas mais um pedido: se eduque e então faça muitos filhos. Filhos lindos, felizes e bem-educados. “Heal the Word”. (cure o mundo) .

pexels-photo-783941.jpeg

5 comentários em “Se for mal-educado, por favor, não faça filhos!

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: